Memoria Imaterial CRL
Instituto de Estudos de Literatura e Tradição - patrimónios, artes e culturas

M E M O R I A M E D I A

e-Museu do Património Cultural Imaterial

A bênção da bruxa

nome:
Delfina Cunha
ano nascimento:
1938
freguesia: Santo Quintino (Localidade - Fetais)
concelho:
Sobral de Monte Agraço
distrito:
Lisboa
data de recolha: 2013
 
 

Dados de inventário
  • A bênção da bruxa
  • Sobral de Monte Agraço

    "A bênção da bruxa"- Quadra que as mulheres-bruxas dizem aos maridos quando saem à noite.

    Delfina Cunha, Ano de nascimento 1938, Fetais, Sobral de Monte Agraço.

Transcrição
  • A bênção da bruxa

     

    E então, a mulher… O marido estava a dormir, ela vestiu-se de branco, solta o cabelo todo e vai acima da cama e põe o rabo ao pé da cabeça do marido e diz assim:

    - Eu te benzo, meu boi mono

    Com este cu e com este cono

    Enquanto eu vou e venho

    Não acordes deste sono!

     

Caracterização
    • Lendas e superstições
Identificação
  • A bênção da bruxa
  • Delfina Cunha
  • 1938
  • Trabalhadora agrícola
Contexto de produção
Contexto territorial
  • Fetais, casa da Delfina Cunha
Contexto temporal
Manifestações associadas
Contexto de transmissão
  • Estado de transmissão
    • activa
  • Em eventos culturais, excursões e actividades organizadas pela junta de freguesia ou município de Sobral de Monte Agraço

Equipa responsável
  • Filomena Sousa
  • José Barbieri
  • Ana Sofia Paiva
Arquivo
  • 61/01:39 - 02:34
  • 1/Sobral de Monte Agraço 2012/Sobral de Monte Agraço

DESCARREGAR O LIVRO

PCI Livro

PATRIMÓNIO CULTURAL IMATERIAL
MEMORIAMEDIA e-Museu - métodos, técnicas e práticas

+ MEMORIAMEDIA