Memoria Imaterial CRL
Instituto de Estudos de Literatura e Tradição - patrimónios, artes e culturas

M E M O R I A M E D I A

e-Museu do Património Cultural Imaterial

Momentos marcantes

  • Joaquim José Alves Rebelo

  • Nascimento: 1959

  • Residência: Portalegre (freguesia da Sé)

  • Função no GFCB: Direcção

  • Entrevista: 2010/2/8_ Portalegre_Sede do GFCB

"Histórias engraçadas há muitas porque, como sabe, o grupo com viagens de autocarro faz muitas horas e há sempre histórias interessantes para contar. Mas a que mais me marcou ainda e que me deixou assim com o ego um bocado mais elevado foi em Klagenfurt. O grupo já lá vai há uns anos e é sempre muito bem recebido em Klagenfurt, na província da Caríntia, na Áustria, nós cá em Portugal (e em Portalegre não se vê muito isso infelizmente), mas nós lá fomos recebidos pelo Presidente da Câmara de Klagenfurt, pelo Governador da Caríntia na altura, que já morreu, o Sr. Heidder(?), o Presidente da Câmara de Klagenfurt recebeu o Boavista – estavam lá grupos de doze países, mas quis receber o grupo português e o grupo de Portalegre porque ele tinha sido em criança, durante a Segunda Grande Guerra, foi acolhido por uma família portuguesa, houve muitas famílias da Áustria que tiveram acolhimento em Portugal, ele foi um deles. Foi acolhido em Portugal por uma família e depois ficou com uma grande ligação a Portugal e quis receber naquele ano, como Presidente da Câmara de Klagenfurt, com a história que ele tinha tido e de uma maneira de agradecimento sempre ao povo português e a maneira como o acolheu e ao fim ao cabo o fez homem, e fez-nos lá ir à Câmara, eu é que, na altura, estava à frente do grupo, disse isto com a Câmara toda reunida e é evidente que nós sentimo-nos ali muito pequeninos, mas também muito orgulhosos e muito satisfeitos de como é que um grupo português, de Portalegre, estava em Klagenfurt e estava a receber aquela menção tão honrosa e foi dos factos que realmente me marcou e que depois tive o cuidado de transmitir à Câmara cá de Portalegre porque é com estes ensinamentos que a gente aprende e, às vezes, para receberem um grupo cá, há sempre tanta dificuldade para receber um grupo, para o Sr. Vereador vir à Câmara receber um grupo, e nós ali fomos recebidos de uma maneira tão fantástica. O que, pronto, também importa dizer que, nos últimos anos, essa posição tem mudado. O grupo já cá trouxe o grupo austríaco também, Itália, Roménia, já tivemos cá vários grupos e felizmente sempre temos conseguido já ultrapassar essas questões e vamos à Câmara Municipal e têm-nos recebido de uma maneira oficial todos os grupos que cá trazemos. Mas esta realmente foi uma das coisas que mais me marcou porque viemos todos de lá assim um bocado inchados com esta distinção que o SR. Presidente da Câmara de Klagenfurt fez ao Boavista e já fomos cinco vezes à Áustria, sempre a esta localidade Klagenfurt, eles são capazes de vir cá este ano, em 2010, mas pronto foi assim das histórias que me marcou pela positiva.

E também dizer que nós chegámos a Trieste, estávamos com trinta e duas horas de autocarro, a senhora nos disse que era preciso gostar muito de folclore e muito da nossa terra para fazermos uma viagem destas, porque ela quando cá viesse a Portalegre, como veio, veio de avião e fomos buscá-la ao aeroporto de Lisboa porque diz ela que de autocarro, devíamos estar maluquinhos da cabeça… Trinta e duas horas depois estávamos em Trieste… Portanto foi daquelas histórias que nós passamos aqui no folclore. Mas são engraçadas. Ao fim e ao cabo são engraçadas, porque permitem também muito convívio entre todos."



 

 

 


 

Visite a nova exposição virtual!

PCI Livro

PATRIMÓNIO CULTURAL IMATERIAL
MEMORIAMEDIA e-Museu - métodos, técnicas e práticas

+ MEMORIAMEDIA

 

 

Entidades financiadoras do projecto Identidades Portalegre