Memoria Imaterial CRL
Instituto de Estudos de Literatura e Tradição - patrimónios, artes e culturas

M E M O R I A M E D I A

e-Museu do Património Cultural Imaterial

Cozido de Grão com Pêra

Designação:  Cozido de Grão com Pêra - Ti Rosa
Freguesia:  Cachopo
Concelho:  Tavira
Distrito:  Faro
Data de recolha:
2014
 

Dados de inventário
  • Cozido de Grão com Pêra
  • Os cozidos, ou jantares, constituem uma parte importante da dieta da serra algarvia. A simplicidade e baixo custo desta comida contribui para a sua presença quotidiana nas mesas da população destas regiões. Uma comida que se renova de acordo com a disponibilidade dos produtos agricolas da época na comunidade.

    O grão, a batata-doce o tomate e o pimento são alguns dos elementos preponderantes deste tipo de jantares que incorporavam muito pouca proteína de origem animal apesar se serem a base de sustento quotidiana para trabalhadores agrícolas e suas famílias.

Caracterização
  • Ingredientes:

    Para cerca de 4 pessoas
    ½ Abóbora-menina, 1 Batata-doce média, 3 Batatas redondas, ½ Kg Carne de porco, Cebola (1 branca e 1 roxa), ½ Kg de Grão, 3 Pêras, 2 Pimentos vermelhos compridos, 1 Tomate grande.
    Azeite e sal.

     

    Preparação:

    Numa panela funda colocam-se as peras inteiras, só com os talos cortados.
    Em camadas sucessivas dispõem-se os restantes ingredientes: grão, carne de porco temperada com alho, pimento (vermelho comprido), batata-doce cortada em pedaços médios tal como a batata redonda, a abóbora (com casca) e o tomate. Antes de repetir as camadas acrescenta-se cebola, sal e mais pimento. Enche-se a panela até acima. Por fim rega-se com um pouco de azeite e água suficiente para a cozedura.
    Tapa-se a panela que vai ao lume até cozer.

    Nalguns locais cortam-se fatias de pão duro que se dispõem no fundo de uma travessa e despeja-se o cozido por cima.

     

  • Os cozidos, ou jantares, constituem uma parte importante da dieta da serra algarvia. A simplicidade e baixo custo desta comida contribui para a sua presença quotidiana nas mesas da população destas regiões. A escassez de proteínas animais na dieta diária da população pobre da serra algarvia produziu algumas variantes do jantar de grão tradicional. É o caso desta receita de cozido de grão com pêra que a Ti Rosa partilhou com a nossa equipa. Desde criança que a Ti Rosa se lembra da mãe fazer esta receita que é uma das suas comidas favoritas. Na região do Cachopo não encontrámos mais ninguém que tivesse conhecimento desta variante. Parece-nos importante registar e divulgar esta versão que ilustra a diversidade da cozinha tradicional, onde pequenas variações são criadas e experimentadas. No caso da Ti Rosa, que tem um pequeno restaurante na serra, esta receita familiar inspirou-a para incorporar a pêra noutros pratos tradicionais.
    Outro dos alimentos essenciais ao jantar de grão é a batata-doce, cultivada há séculos no Algarve onde está muito presente na comida tradicional. O jantar incorpora uma multitude de produtos hortícolas que variam conforme a sazonalidade da produção agrícola. O figo seco também era usado com frequência para colmatar a falta de proteína animal nesta receita.
    Hoje, a abundância de proteínas animais faz com que se incorpore nesta receita carne de porco, de borrego ou de cabrito.

Identificação
  • Domínio
    • Competências em processos e técnicas tradicionais
  • Cozido de Grão com Pêra
  • Ti Rosa
  • 1941
  • Cozinheira
Contexto de produção
  • Não se aplica
  • Não se aplica
Contexto territorial
  • Cabeça Gorda
Contexto temporal
  • Esporádica
Manifestações associadas
  • Dieta Mediterrânica.

    A Dieta Mediterrânica envolve um conjunto de saberes baseados na proximidade e na sazonalidade. Estes saberes aplicam-se à agricultura, à alimentação e à organização social. A sua zona natural de ocorrência é a bacia mediterrânica. Os produtos da época, o azeite, o pão e os vegetais são predominantes nesta dieta.

  • Utensílios de cozinha.

     

  • Serra Algarvia

Contexto de transmissão
  • Estado de transmissão
    • activa
  • Círculos familiares.

Direitos Associados
  • Os direitos colectivos são de tipo consuetudinário.

  • Colectivo/Comunidades

Acções de Salvaguarda
  • Esta receita continua ser confeccionada em diversas localidades da Serra Algarvia, não se identificando situações de risco. São, no entanto, as gerações mais velhas que mais vezes preparam a receita.

  • A transmissão geracional é feita no meio familiar. As acções de salvaguarda da Dieta Mediterrânica vieram dão destaque a estas receitas.

Equipa responsável
  • Filomena Sousa
  • José Barbieri
  • José Barbieri
  • José Barbieri
Arquivo
  • Não se aplica
  • 4/Tavira

PCI Livro

PATRIMÓNIO CULTURAL IMATERIAL
MEMORIAMEDIA e-Museu - métodos, técnicas e práticas

+ MEMORIAMEDIA