Memoria Imaterial CRL
Instituto de Estudos de Literatura e Tradição - patrimónios, artes e culturas

M E M O R I A M E D I A

e-Museu do Património Cultural Imaterial

O Vitelo e a Bruxa

nome:
Maria Augusta Silvino Martins
ano nascimento:
1924
freguesia: Campo das Víboras
concelho:
Vimioso
distrito:
Bragança
data de recolha: Outubro 2010
 
 
 

Dados de inventário
  • O vitelo e a bruxa
  • Vimioso

    "O vitelo e a bruxa" - Sobre uma suposta bruxa que lança um feitiço maléfico sobre um vitelo e que o quebra por ameaça do dono…

     

     

     

     

    Maria Silvino, 1924. Vimioso

    Registo 2010.

Transcrição
  • [O vitelo e a bruxa]

    Não sei se ouviu falar no tio(1) Santos, que o matou… (…)  Parou-le(2) uma vaca, no lameiro(3). E vinha por aí com o vitelo, ou vitelo ou que era, em cima da égua. Ele e o vitelo. E a vaca vinha por trás. E passou ao pé da tal, da tal costureira que estava na varanda a costurar (e também traziam por bruxa!)

     

    O rapaz chegou a casa, botou(4) o vitelo pra que mamasse na vaca… E disse:

     

    - Foi aquela égua que mo embruxou(5)!

     

    Foi-se lá a casa, disse: - Se não mamou o vitelo! *Sua isto, sua aquilo*(6), já te mato!

     

    - Ah, filho, vai pra casa que o vitelo há-de mamar.

     

    Chegou a casa, já estava o vitelo… (…) Também foi verdade essa!»

     

     

    Maria Augusta Silvino Martins, Campo de Víboras (Vimioso), Outubro de 2010

    Glossário:

    (1) Tio – forma de tratamento que, em Portugal e sobretudo na província, no campo, é usada para homens de certa idade e de condição modesta.

    (2) Le – “lhe” (pronome, registo popular e modo informal).

    (3) Lameiro«terra fresca, fertil, abundante de pastagem. Varzea.» Neves, Henrique das. (1897-1899). Glossário de palavras, locuções e anexins. Revista Lusitana,Volume V, Lisboa: Antiga Casa Bertrand, p.226.

    (4) Botou – pôs.

    (5) Embruxou – enfeitiçou, fez bruxaria contra.

    (6) Sua isto, sua aquilo – maltratou verbalmente, injuriou, chamou nomes feios.

     

    Referências bibliográficas e recursos online utilizados no glossário:

    Barros, Vítor Fernandes, (2006). Dicionário do Falar de Trás-os-Montes e Alto Douro. Lisboa: Edição Âncora Editora e Edições Colibri, p.254

    Barros, Vítor Fernandes, (2010). Dicionário de Falares das Beiras. 1ª. Edição. Lisboa: Âncora Editora e Edições Colibri, p.243

    Gomes Pereira, A.  (1909). Tradições populares e linguagem de Vila Real. Revista Lusitana, Volume XII. Lisboa: Imprensa Nacional, p.104.

    Neves, Henrique das. (1897-1899). Glossário de palavras, locuções e anexins. Revista Lusitana,Volume V, Lisboa: Antiga Casa Bertrand, p.226.

    Vasconcelos, José Leite de/Centro de Linguística da Universidade de Lisboa. Dicionário de Regionalismos e Arcaísmos (DRA). p.683.

    http://aulete.uol.com.br; http://michaelis.uol.com.br;http://www.infopedia.pt;http://www.mirandadodouro.comhttp://www.priberam.pt

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

Caracterização
    • História de Bruxas
Identificação
  • O vitelo e a bruxa
  • Maria Silvino
  • 1924
Contexto de produção
Contexto territorial
  • Vimioso, Lar de Santa Casa da Misericórdia de Vimioso.
Contexto temporal
  • Hoje sem periodicidade certa. Encontros informais e iniciativas do Município de Vimioso
Manifestações associadas
  • Transmitidas aos serões, em quotidianos de trabalho e lazer.
Contexto de transmissão
  • Estado de transmissão
    • activa
  • Residentes do concelho de Vimioso que são convidados para iniciativas do Município e Biblioteca de Vimioso. Principais actividades desenvolvidas que estas manifestações culturais:

    Sons e Ruralidades em Vimioso

    ANAMNESIS - Encontro de Cinema, som e tradição oral.

    Feira de artes, ofício e sabores

    (ver links em documentação)

Equipa responsável
  • José Barbieri e Filomena Sousa
  • José Barbieri
  • Maria de Lurdes Sousa
  • José Barbieri - realização do documentário (ver link em documentação)


 

Visite a nova exposição virtual!

PCI Livro

PATRIMÓNIO CULTURAL IMATERIAL
MEMORIAMEDIA e-Museu - métodos, técnicas e práticas

+ MEMORIAMEDIA